quarta-feira, 24 de setembro de 2008

ABISMO


Hoje abri meu blog... e achei tão esquisito de alguma maneira... porque vai ser uma exposição. Uma exposição de mim mesmo... e isso me assusta um bocado... e ao mesmo tempo... me deixa feliz.

De alguma maneira... uma exposição... de cada pessoa, me parece uma grande idéia. De certa forma, as exposições que eu fui... era tentar dar Vida... aquelas pessoas que já não estavam mais ali.

E aqui, talvez, será apenas me apresentar. Como em um palco. Sem muito texto a ser seguido... sem roteiros... sem limites...

O nome, desse blog... deu-se, por causa dessa poesia.... que segue:


Me deparei de frente ao abismo... dos mais alto que eu já vi. E alguns homens que eu conheço... não chegaria nem proximo desse penhasco.Eu? Eu sou maluco. Não pensei duas vezes... fechei os olhos, para ouvir todos os sons e sentir todos os cheiros, sentindo o vento tocando minha pele. Coloquei os dedos dos pés na beirada, como estivessem flutuando no ar e abri os olhos.O que eu fiz? Saltei... dei um impulso forte com as pernas.
Afinal de contas... poucos Homens podem voar, mesmo que por alguns minutos

Fredericco Baggio

2 comentários:

Enzo Potel disse...

my friend!
finalmente nasceu o blog!
suuuuuuuucesso!

(hey, quando falei de que a coisa é simples de montar aqui, não foi com tom de escárnio, foi dizendo que você mesmo vai achar tudo muito simples depois que começar a passear pelas opções)

TE AMO MUITO (NÃO EXISTE OPÇÃO MAIOR QUE CAPSLOCK PARA ESSE "MUITO"!!!)

Anônimo disse...

Passeando achei seu blog... muito me chamou a atenção essa poesia que vc se refere como sendo a "causadora" do nome do seu blog... gostei muito do nome, muito bom mesmo... lembrei-me de Carlos Drumond de Andrade...

"Se procurar bem você acaba encontrando,
não a explicação (duvidosa) da vida,
mas a poesia (inexplicável) da vida"

É isso! Vi que é recente, acabou de criá-lo então boa sorte e sucesso!